Grêmio derrota Corinthians pela primeira vez



Everton comemora seu gol, o único da vitória do Grêmio sobre o Corinthians no Itaquerão (Foto: Reprodução/ Terra)

 O Corinthians não conseguiu usar nem a força da torcida a seu favor na noite deste sábado (18), na Arena. Diante de um bem treinado e técnico Grêmio, o Alvinegro não foi capaz de criar boas jogadas ou aproveitar que o goleiro adversário era apenas a terceira opção dos gremistas no setor. Com boa atuação de Éverton, autor do gol, o time visitante chegou a dominar o Timão em muitos momentos e venceu pela primeira vez no estádio.

Anteriormente, os gaúchos haviam empatado três duelos e perdido dois, contabilizando um amistoso disputado durante a parada para a Copa do Mundo. Agora, a equipe de Porto Alegre tem 36 pontos conquistados, cada vez mais perto dos líderes da competição. O clube do Parque São Jorge, por sua vez, estacionou nos 26 pontos e viu a "escalada" prevista por Osmar Loss ficar para trás.

Na próxima rodada, o Corinthians terá pela frente a equipe do Fluminense, em duelo marcado para a próxima quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no estádio do Maracanã. Renato Gaúcho e os seus atletas, por outro lado, abrem o segundo turno em um duelo contra o Cruzeiro, no mesmo dia e horário, mas em Porto Alegre.
Grêmio joga bem, mas perde chances

O Grêmio não pareceu ter mudado de arena para entrar em campo no primeiro tempo. Mesmo atuando em São Paulo, a milhares de quilômetros da sua casa, o time de Renato Gaúcho foi melhor que o Corinthians nos 45 minutos iniciais, dominou boa parte das ações ofensivas e sofreu pouco, pecando apenas na hora de finalizar as rápidas jogadas criadas, na maioria das vezes, pelo rápido Éverton.

O cenário, no entanto, parecia que seria diferente na primeira bola perigosa do jogo, quando Jadson cobrou escanteio pelo lado direito, na primeira trave, e Danilo Avelar cabeceou forte. Bruno Grassi, que entrou às pressas por causa de uma lesão de Marcelo Grohe durante o aquecimento, tentou agarrar e quase jogou a redonda para o seu gol, mas ela passou rente à trave esquerda do arqueiro.

Os gremistas, no entanto, responderam quando Jael pegou sobra de bola dentro da área, após falha de Fagner, e cabeceou para defesa de Walter. Pouco depois, Jailson, mais de frente, e Ramiro, na lateral direita da área, tentaram arriscar de fora da área, exigindo boas intervenções do reserva corintiano, substituto do suspenso Jadson. Exposto, Pedro Henrique ainda viu sua situação se complicar ao fazer falta em Éverton e ficar amarelado.

Depois de meia hora sem conseguir produzir, o Timão conseguiu encaixar algumas saídas de bola e, ao menos, empurrar o time adversário para o seu campo de defesa. Na hora de realmente criar as chances, no entanto, Araos e, principalmente, Jadson erraram bastante. Até o intervalo, o lance mais marcante dos alvinegros foi uma sequência de dribles de Pedrinho, travada na hora do chute por Geromel.

O Grêmio voltou para o segundo tempo aparentemente com uma tática mais defensiva, dando certo espaço nos primeiros minutos e apostando em uma roubada de bola para sair em contra-ataque. Não demorou muito para ela acontecer: Ramiro recuperou a posse na direita e o Grêmio foi bagunçando a marcação até Luan receber. Éverton passou muito rápido entre Fagner e Pedro Henrique, o companheiro enfiou bem e Walter demorou para sair do gol. O resultado foi um toque rápido do gremista por cima do goleiro para abrir o placar.

O gol fez com que Jonathas fosse chamado por Osmar Loss para tentar segurar a bola no ataque, brigando com os zagueiros. O atacante até conseguiu algumas jogadas, mas o domínio dos gremistas na hora de marcar era tamanho que, mesmo com um atleta de quase 2m, o Alvinegro não ganhou nem os duelos aéreos.

Loss ainda buscou novidades, mandando a campo Mateus Vital e Emerson Sheik, mas, até o final da partida, os lances ficaram restritos aos gremistas. Com o contragolpe à disposição, o time visitante só não ampliou o marcador porque Walter parou bem investidas de Éverton, Thaciano e Luan, assegurando a desvantagem mínima.
FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 X 1 GRÊMIO

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)

Data: 18 de agosto de 2018, sábado

Horário: 19 horas (de Brasília)

Árbitro: Wagner Reway (Fifa-MT)

Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Eduardo Gonçalves da Cruz (MS)

Público: 32.583 pagantes

Renda: R$ 1.62.165,44

Cartões amarelos: Pedro Henrique (Corinthians); Cortez (Grêmio)

Gols:

GRÊMIO: Éverton, aos nove minutos do segundo tempo

CORINTHIANS: Walter; Fagner, Pedro Henrique, Henrique e Danilo Avelar; Gabriel e Ralf (Mateus Vital); Pedrinho (Emerson Sheik), Jadson (Jonathas), Araos e Romero

Técnico: Osmar Loss

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Leonardo Gomes, Geromel, Kannemann e Cortez; Jaílson, Cícero, Ramiro (Alisson) e Luan; Éverton (Pepê) e Jael (Thaciano)

Técnico: Renato Gaúcho 

Terra


Share on Google Plus

About Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário