Comunidade do sítio Jerimum comemora perfuração com sucesso de poço profundo‏

Considerada oficialmente como área de assentamento para reforma agrária, a comunidade do sítio Jerimum, distante 8 km da sede em Aurora, viveu no ultimo final de semana momento de verdadeira celebração. A inauguração do poço artesiano, cuja vazão é de aproximadamente 2.500 litros, se constitui num verdadeiro milagre, levando-se em conta que há muito a região era tida como impróprio para a perfuração de poço profundo, já que não havia chance de se encontrar água fácil em seu subsolo.

Contrariando todas as investidas anteriores, eis que agora, em plena caatinga, com um solo castigado pela seca, para a surpresa e felicidade de todos os moradores a água jorrou finalmente do seio da terra. E mais, com boa vazão e de considerável qualidade. Uma dádiva de Deus na avaliação de muitos moradores presentes ao ato. Diante da falta de água que a cada dia aumentava por conta da estiagem muitos moradores faziam plano de abandonar a comunidade. Com a chegada da água a história poderá ser outra, segundo opinaram os presentes.

No ato inaugural o presidente da Câmara o vereador Francisco Henrique esteve no local, inclusive fazendo o acionamento simbólica da bomba que pela 1ª vez trouxe água à superfície. Um instante de grande alegria demonstrado por todos os que se fizeram presente ao acontecimento. Um contentamento ainda mais visível foi quando as crianças começaram a aproveitar em suas brincadeiras, os primeiros jatos das águas. Uma festa com direito a molha molha e banhos de mangueiras. Um pequeno churrasco organizado pela própria comunidade encerrou as comemorações pelo feito.

Um momento para não se esquecer jamais, no dizer de muitas pessoas que presenciaram aquele momento histórico para todos os pequenos agricultores que residem na comunidade de Jerimum e adjacências. "Tudo isso aqui é uma conquista que não tem preço. Nada pode pagar uma coisa boa com esta", disse o líder comunitário, o agricultor Alexandre Alves. Além do presidente da câmara, e do secretário de cultura José Cícero, muitas outras pessoas da cidade como o escultor Franzé d´Aurora, o radialista Sandro Lopes, Pio Batista, Neno Macedo, o construtor Dimas, Franciscano dentre outros também compareceram à comunidade para testemunharem o inicio do funcionamento do poço profundo.

Assessoria de Comunicação
Prefeitura Municipal de Aurora
Share on Google Plus

About Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário