Polícia apreende quatro armas de fogo e um simulacro em Juazeiro, Mauriti e Crato


Revólver entregue à polícia por uma jovem ameaçada pelo ex-companheiro no bairro Aeroporto (Foto: Reprodução)

Em ações diversas, policiais militares apreenderam nas últimas horas quatro armas de fogo e mais um simulacro de pistola no Cariri, sendo dois revólveres calibres 38 em Juazeiro, um revólver 32 em Crato e outro do mesmo calibre em Mauriti juntamente com um simulacro. Na tarde de sábado, a polícia de Mauriti foi avisada sobre armas enterradas sob um cajueiro perto do Conjunto Minha Casa Minha Vida e foi lá. Dentro de uma sacola plástica estavam um simulacro de pistola e um revólver calibre 32, mas ninguém foi preso.

Às 09h30min de domingo a jovem Adriana Ferreira, de 25 anos, residente no bairro Aeroporto, informou à polícia que estava sendo ameaçada pelo seu ex-companheiro e sem deixar a mesma entrar em casa para retirar seus pertences. Quando PMs do Ronda do Quarteirão chegaram, Valdeci Ferreira de Castro já tinha deixado o local e a polícia soube que o mesmo possuía arma de fogo encontrando no imóvel um revólver calibre 38 com quatro cartuchos intactos.

Na tarde desta segunda-feira a PM apreendeu um revólver calibre 38 com Uderlanho da Silva Romano, de 27, o qual trocou tiros com a polícia na Vila São Francisco (Aeroporto). Já às 19h30min, porém na Travessa Frei Damião da Vila São Francisco (Distrito de Ponta da Serra) em Crato, o pedreiro Reginaldo da Silva, de 38, denunciou seu irmão Cícero B da Silva, de 47 anos, de ter bebido e o ameaçado de morte com uma arma. A polícia prendeu o acusado dormindo numa rede em sua casa com um revólver calibre 32 ao lado.



Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

Share on Google Plus

About Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário