Polícia apreende 2,4 mil comprimidos de ecstasy em Fortaleza


2,4 mil comprimidos de ecstasy, que seriam distribuídos em uma festa rave, foram apreendidos (Foto: Helene Santos)

Duas pessoas presas e 2,4 mil comprimidos de ecstasy apreendidos. Esse foi o resultado de uma operação da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), da Polícia Civil. O material seria distribuído em uma festa rave, que ocorreria no dia próximo dia 22. 

A delegada Patrícia Bezerra, diretora adjunta da DCTD, explicou que a Especializada tomou conhecimento que uma grande quantidade de droga havia chegado a Fortaleza na última segunda-feira (9) de manhã por conta da festa rave. "Nós monitoramos a entrega e soubemos que parte dessa droga tinha ido parar nas mãos de João Soares Gomes Neto, 24", disse Patrícia. 

As investigações da DCTD também apontaram que um dos locais onde havia uma movimentação de entrega de ecstasy era um endereço localizado na Avenida Heráclito Graça esquina com Rua Nogueira Acioly, no bairro Joaquim Távora. "O João Neto faria uma entrega de parte desse ecstasy que ele teria recebido nesse endereço. As equipes da Divisão foram designadas para ir ao local checar essa situação", contou a delegada. 

Os investigadores flagraram o momento em que o veículo chegou ao local por volta de 21 horas. O carro ficou estacionado, mas ninguém desceu. Depois de alguns minutos, os policiais resolveram fazer a abordagem. No veículo estavam Felipe Ramos Tavares, 30, e João Soares Neto. Os dois receberam voz de prisão. 

Com o João Neto, os policiais encontraram um pacote com 100 comprimidos de ectsay. Ao ser preso, ele confessou que estava ali para fazer uma entrega e que também possuía mais droga na casa dele no bairro José Walter. Os policiais foram até lá e encontraram 2.300 comprimidos, totalizando 2.400. A droga teria vindo de Santa Catarina, conforme a Polícia Civil. Os dois homens foram autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico. 

Patrícia Bezerra destacou que João Neto estaria traficando drogas para Thiago Maurício Sá Pereira, o 'Poeta'. Thiago foi preso em 2014 em uma operação da Polícia Civil de Sergipe e do Ceará. "Ele está preso, mas infelizmente continua traficando", disse a delegada da DCTD.

Fonte: Diário do Nordeste

Share on Google Plus

About Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário