Sob pressão popular, vereadores de Icó atendem à recomendação do MPCE e anulam aumento de 95% nos próprios salários


Câmara Municipal de Icó (Foto: Reprodução/Ceará News7)

Os vereadores de Icó recuaram, nesta terça-feira (13), e anularam o projeto que aumentava os próprios salários em 95%, passando de R$ 4.600 para R$ 9.000.

A decisão só foi tomada após pressão popular e recomendação do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE).

 

cearanews7


Share on Google Plus

About Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário