Atentado em boate deixa 35 mortos e 40 feridos na Turquia

Atirador invadiu clube Reina durante comemorações de Ano Novo. Governador classificou ato como um ataque terrorista.


Ao menos 35 pessoas morreram e 40 ficaram feridas após tiros serem disparados em uma casa noturna em Istambul, na Turquia, durante a comemoração do Ano Novo. O governador de Istambul, Vasip Şahin, diz que um atirador agiu sozinho e classificou o caso de "ataque terrorista", sem especificar quem seria o autor, de acordo com a Reuters.

O ataque aconteceu no Reina, um dos clubes mais populares de Istambul, e que também tem uma área de bar e restaurante. Os tiros começaram por volta da 1h30 da madrugada de domingo (20h30 horas de sábado em Brasília), quando havia centenas de pessoas dentro do estabelecimento.
Imagem inline 1Mulher ferida é retirada por paramédicos do clube Reina, em Istambul, após ataque durante comemoração do Ano Novo (Foto: Murat Ergin/Ihlas News Agency via Reuters)

Mulher ferida é retirada por paramédicos do clube Reina, em Istambul, após ataque durante comemoração do Ano Novo (Foto: Murat Ergin/Ihlas News Agency via Reuters)

De acordo com a CNN turca, testemunhas chegaram a dizer que dois homens fantasiados de Papai Noel entraram no local e atiraram aleatoriamente, sem escolher vítimas específicas. Um policial que estava na porta foi o primeiro a ser baleado e morrer.

O atirador ainda estaria dentro do clube, também segundo testemunhas, mas é 
possível que ele tenha fugido sem ser identificado. Dezenas de ambulâncias e viaturas policiais estão no local, que fica no bairro de Ortakoy.
O gabinete do primeiro-ministro turco, Binali Yildirim, impôs uma proibição temporária à cobertura da imprensa, por razões de segurança nacional e manutenção da ordem pública, relatou a Associated Press (AP).

Segundo a agência estatal turca Anadolu, medidas especiais de segurança foram adotadas nas principais cidades turcas para as festas de fim de ano. Apenas em Istambul, 17 mil policiais foram acionados, alguns deles disfarçados de Papai Noel ou vendedores ambulantes.

A Casa Branca emitiu um comunicado, no qual afirma seu apoio à Turquia e ao combate ao terrorismo. "Os Estados Unidos condenam em seus mais fortes termos o horrível ataque terrorista em uma casa noturna em Istambul... Que uma atrocidade dessas possa ter sido perpetrada em pessoas inocentes, muitas das quais celebrando o Ano Novo, destaca a selvageria dos atacantes... Reafirmamos o apoio dos Estados Unidos à Turquia, nosso aliado na OTAN, em nossa compartilhada determinação em confrontar e derrotar todas as formas de terrorismo", diz o texto.

Share on Google Plus

About Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário