Cunha ataca Bonner ao vivo e Globo tira coletiva do ar

O deputado federal Eduardo Cunha, eleito pelo PMDB do Rio de Janeiro, marcou para a manhã desta terça-feira, 21, uma coletiva que prometia ser bombástica. Como o peemedebista é um dos nomes mais importantes da política brasileira e enfrenta na Câmara um processo de cassação, a coletiva foi anunciada com grande destaque desde segunda-feira, 20, pelos canais de TV a cabo. A Globo News avisou aos assinantes que começaria a mostrar a coletiva assim que ela começasse. "Já temos imagens ao vivo...", indicou uma das apresentadoras do canal a cabo.

No entanto, a coletiva ficou menos de cinco minutos no ar. O canal a cabo decidiu tirar o conteúdo do ar sem a menor explicação, preferindo repetir notícias "velhas" que tinham sido dadas no bloco anterior. "Vamos trazer daqui a pouco a repercussão dessa coletiva", disse um dos apresentadores parecendo constrangido. Mas porquê a Globo News, tão acostumada a transmissões longas de política decidiu ter a iniciativa? 

Desde que começou a transmissão ao vivo, Eduardo Cunha decidiu atacar a TV Globo. Ele criticou o principal telejornal da emissora, o ´Jornal Nacional´. "Todos os dias o William Bonner arranja alguém para falar de mim. Se eu pegar as matérias do ´Jornal Nacional´, em cada dia tem uma pessoa diferente, mas elas acabam se repetindo. Acho que fazem um revezamento", começou o deputado federal a jogar tudo no ventilador. 

Ele não parou por aí. "O jornal me pede notas faltando poucos minutos para exibir as reportagens. Quando a minha defesa entrega uma resposta, eles decidem restringir minha defesa à uma frase, quando anteriormente usaram minutos e mais minutos para me acusar. As pessoas reclamam que eu não fali nada, por isso, estou usando essa coletiva para conseguir me comunicar, mesmo que saiba que não mostrarão o que eu realmente tenho a falar", começou o peemedebista que é casado com uma ex-apresentadora de telejornais da TV Globo. 

Dito e feito, após as palavras duas a Globo News abdicou da transmissão e chamou um link do exterior, que falhou. O assunto repercutiu rapidamente nas redes sociais. 

Blastingnews


Share on Google Plus

About Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário