Black Fraude: site mostra preço médio e revela se você foi enganado

Desenvolvedores brasileiros criaram um site que visa facilitar a busca de produtos com descontos reais na Black Friday. Batizada com o nome sugestivo de Black Fraude, a ferramenta rastreia os preços mínimo, máximo e médio de um produto nos últimos 15 dias, ajudando o consumidor a perceber se está sendo lesado ou não em ofertas na Internet. Para usar, basta obter o link do artigo desejado e colá-lo na página para obter os valores, junto com um formulário online para enviar denúncia em caso de fraude.

A ideia surgiu como uma tentativa de impedir que aumentos de preços dias antes da Black Friday possam enganar consumidores. 

“É lamentável que determinadas empresas tentem maquiar o preço e lesar o consumidor, mas, pelos dados analisados isso é mais comum que se imagina”, diz Angel Junior, um dos idealizadores do projeto.

Com o site, Angel Junior e Andre Tomazetti, a dupla que criou o projeto, espera combater esse problema e auxiliar quem deseja obter descontos verdadeiros durante a Black Friday.

Em testes, o blackfraude.org foi capaz de mostrar rapidamente o valor de produtos ao analisar links de lojas online. Um Samsung Galaxy S6 Edge branco vendido a R$ 2.499, por exemplo, apareceu na análise com o preço médio de R$ 3.285,18 e mínimo de R$ 2.642,35, significando que o desconto era, de fato, válido.

Em outros momentos, porém, o site não retornou com resultado algum, talvez devido às dificuldades técnicas que venha enfrentando com o acúmulo de acessos nesta sexta-feira (27). 

O usuário também deve ficar atento, pois uma mesma URL pode exibir mais de um produto, resultando em diversas estimativas de preço para os últimos 15 dias.

Os desenvolvedores não pretendem encaminhar denúncias aos órgãos competentes, algo que requereria que o usuário realizasse um cadastro completo no site. No lugar, o Black Fraude vai divulgar um ranking online dos produtos e lojas com mais reclamações após o fim do período de descontos.

Fonte: Techtudo
Share on Google Plus

About Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário